♣ Caminhando geriatricamente – Parte II ♣

Tá bom que eu estava satisfeita em minha mãe ter resolvido fazer caminhada, mas não daria pra acompanhar o ritmo dela. Ela caminha para melhorar a circulação e pra baixar o colesterol, e pra isso da pra obter bons resultados caminhando a passos de noiva rumo ao altar. Eu caminho para melhorar aquela imagem lá do espelho e a passos geriátricos eu vou chegar ao meu objetivo quando a copa do mundo for em terras faraônicas.  Você sabe quando será? Nem eu!

E lá estávamos nós voltando pra casa quando encontramos com uma amiga geriátrica da geriatria aqui de casa. Ahh mas acendeu uma luz do tamanho da lua na minha cabeça! Olha só pra minha mãe, agora cheia de moral e jurando ser uma inscrita na corrida de São Silvestre:

– Fulaaaaaaaaaaana! Estou vindo da caminhada. Dei T-R-Ê-S  V-O-L-T-A-S (pausadamente para deixar claro que ela tinha dado TRÊS VOLTAS e mostrar que ela tinha força nas pernas, apesar dos 61 anos…) no parque. Olha, você precisa caminhar também viu?! É muito bom pra saúde!

E eu mais do que depressa:

– Vamos amanhã então! A gente passa na sua casa as 05h00. Combinado!?

Com uma companhia pra minha mãe, eu não teria obrigação de seguir seus passos lentos né, elas caminhariam no ritmo delas para o objetivo delas e eu poderia seguir caminho rumo a minha odisséia da perda de peso. Problema resolvido!

Dia seguinte a odisséia já começou na hora de acordar a minha mãe…  Chamei uma vez… nada! Chamei a segunda… nada! Passei pro plano B: Acendí a luz, desliguei o ventilador, puxei o lençol e comecei a gritar que só um sargentão… Em dois minutos ela estava em pé com aquela cara de “Quem? Onde? Como? Quando? Ãhn?” Hilário! 😀

Passamos na casa da amiga dela, que já estava sentada na calçada nos esperando, e fomos embora pro parque. Claro que até o parque eu as acompanhei né, mas com a paciência pra lá de Bagdá, se eu andasse a meio passo ainda passava as duas. Elas são ótimas companhias para passeios do tipo lojas em shopping ou calçadão a beira mar, mas caminhada para quem pretende perder peso, definitivamente não é uma boa idéia…

Chegando ao parque, deixei as duas pra trás e perna pra que te quero! Uma volta completa da pouco mais de 800m e acreditem, eu dei uma volta inteira, estava quase partindo pra metade da segunda volta e elas ainda estavam em pouco mais da metade da primeira volta. Haja speed! Ah e detalhe, eu não corro, apenas ando a passos mais rápidos…

Bom, alí pelas redondezas tem um cara que tem uma criação de gado e a amiga da minha mãe é conhecida do cara e tem o costume de todas as manhãs dar uma passadinha lá pra tomar leite direto da vaca. Terminamos a caminhada pouco mais das seis horas e ela resolveu dalí mesmo fazer uma visita a vaquinha e eu tive a “brilhante” idéia de acompanhá-la…

Quer saber o que aconteceu? Só amanhã! 😛

Anúncios

5 Respostas para “♣ Caminhando geriatricamente – Parte II ♣

  1. hahahaha ,,,assim não vale

  2. “Então!! Assim os leitores ficam curiosos e voltam no dia seguinte :P”..

    Senti que isso foi pra mim…hahahaha…

    Ei,esse parque fica onde??Já fui na tua terra várias vz e num lembro desse espaço aí não..o.Õ

  3. hahaahh… vc hein… sempre sem as “cenas do próximo capítulo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s