Cobra no WC

2

Intervalo da aula, deu aquela vontade básica de ir ao WC. No corredor que dá acesso ao mesmo, dou de cara com uma cobra, que já me saúda levantando a cabeça e botando um palmo de língua pra fora. Me abraço a parede, na tentativa de me afastar do ser rastejante, quando sem perceber piso no rabo de outra (Oh my God!) que tenta se enroscar no meu pé…

Dei um chute no ar e nem me dei o trabalho de ver onde a segunda cobra foi parar, meus olhos estavam na primeira que tava mais parecendo uma naja tentando se colocar de pé. Com o coração batendo no fio de cabelo mais longo, saí a passos largos procurando um cabra macho pra matar as peçonhentas.

– Moço, tem duas cobras alí, o senhor poderia matar?

Ele me olha meio incrédulo… Até eu não estava reconhecendo minha reação tão calma depois de ter sido abraçada por uma cobra!

Voltei com ele pra me certificar que a consumação do ato mortífero seria mesmo feita, a essas alturas eu já nem estava com vontade de ir ao WC e perdi totalmente quando um outro homem bem simpático me sai com essa:

– Ahh essas são pequenas, semana passada a gente tirou de dentro da piscina uma cobra de um metro e setenta centímetros!…

Jesus Cristo! Nunca mais eu invento de ir àquele banheiro, juro!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s